Itaipu Binacional: uma das maiores usinas hidrelétricas do mundo

Postado por: Tatiana Dornelles

Obra imponente, a Itaipu Binacional está localizada na fronteira entre Brasil e Paraguai e é a maior usina hidrelétrica geradora de energia limpa e renovável do mundo. Durante a minha participação no Festival de Turismo das Cataratas – FIT Cataratas, a convite da assessoria de imprensa do evento, pude conhecer a imensidão do lugar.

Itaipu18

Para fazer o passeio, era obrigatório o uso de sapato fechado, o que foi avisado no dia anterior pela assessoria. Assim, fui de bota (de salto alto) e lá tive que colocar o sapatão para entrar na Itaipu, pois mesmo sendo fechado é proibido qualquer tipo de salto fino. E, claro, tive que registrar esse momento praticamente único – hehehe.

Itaipu14

Nosso grupo, formado por jornalistas e blogueiros de viagem, fez o circuito especial, que dura cerca de uma hora e meia, e é o mais completo. Contudo, devido ao horário restrito, a visita ao local durou um pouco menos, já que tínhamos outro compromisso. De qualquer forma, deu para conhecer boa parte da Itaipu.
O lugar é tão gigantesco que tivemos que pegar um ônibus para ir a cada ponto da usina. A primeira parada foi no Mirante Central, de onde é possível ter um panorama da barragem e seu vertedouro.

Itaipu12

Itaipu13

Itaipu17

Depois, fomos direto no coração da Itaipu: a Estação Central. Este lugar só é visitado por quem faz o Circuito Especial. E vale a pena. Primeiro, observamos a sala de comando central, gerenciada pelos dois países. A sala, que controla a operação das turbinas e geradores, fica no Edifício de Produção.
Inclusive, de um lado da sala ficam os funcionários brasileiros. Do outro, os paraguaios. A mesa central, do gerente, é comandada por um brasileiro e um paraguaio, que se alternam a cada duas horas. Interessante, né?

Itaipu6

Itaipu5

No mesmo local, também foi possível conhecer a galeria com um quilômetro de extensão, o canal de fuga e o eixo da turbina. Todo o passeio foi guiado por um profissional da Itaipu, que explicava o funcionamento da hidrelétrica.
Itaipu10
Itaipu9
Itaipu11
Depois, passamos pelo paredão de concreto e pela “catedral”, onde o que chama mais a atenção é a arquitetura. O lugar lembra uma catedral devido ao formato côncavo. A estrutura de concreto foi construída para reter o curso do rio Paraná e formar o reservatório de água da usina.
Itaipu4
Itaipu7
Itaipu3
Itaipu2
Foi um passeio interessante, diferente daqueles pontos turísticos tradicionais que as cidades oferecem ao turista. Até eu ir a Foz do Iguaçu, honestamente não sabia que era possível visitar a Itaipu Binacional. Com certeza, quero voltar e levar meus filhos e meu marido Max, que é engenheiro civil. Fica a dica!
Itaipu1

Itaipu16

Fotos: Destino Mundo Afora

Aviao
O blog Destino Mundo Afora participou desta viagem a convite da assessoria do FIT Cataratas. Transportes, passeios, hospedagem e alimentação estavam inclusos. Contudo, o texto é isento e reflete as opiniões verdadeiras da autora. 

1 comentários

  1. Marlene Ciintia disse:

    Recentemente fui fazer uma visita a Foz do Iguaçu e fui bem atendido pela empresa Waterloo Travel. A minha viagem com a familia foi perfeita. Só ficamos tristes por um pequeno imprevisto; na semana em que fomos a temperatura estava um pouco baixa e com chuva na maioria dos dias. Pretendo voltar para visitar o restante dos passeios na cidade e tambem visitar Puerto Iguazú.
    Vale muito a pena ser guiado por eles para visitar todas as atrações de Foz.

Deixe uma resposta para Marlene Ciintia Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Página inicial